21 de maio de 2012

Frete grátis dá drible em previsão da e-bit para Dia das Mães

No dia 25 de abril, a e-bit divulgou nota informando que a previsão de crescimento do comércio eletrônico brasileiro no período do Dia das Mães seria de 25% em relação ao ano passado. Isso significa faturamento de 950 milhões de reais. Porém, após o término do período, foi constatado que não foi bem assim. O crescimento esse ano ficou em 22%, ou seja faturamento de “apenas” R$ 760 milhões!

O Dia das Mães é um dos períodos que mais geram lucro aos varejistas, perdendo apenas para o Natal. Por conta disso e se confiando na redução do IPI para eletrodomésticos, a e-bit acabou fazendo uma projeção bem otimista. Mas não contava com um porém: esse ano as lojas se utilizaram menos do frete grátis. Segundo a própria empresa, apenas pouco mais da metade das lojas ofereceram o recurso de entrega gratuita aos clientes.

Não é por isso que vamos dizer que os números são ruins. Muito menos que o e-commerce no Brasil está começando a afundar. Longe disso! Mas é interessante notar como mesmo na segunda maior estação de vendas as lojas podem deixar de vender por conta de “detalhes” que fazem os olhos do cliente brilhar.

Frete grátis, descontos por formas de pagamento (por exemplo 5% em compras com boleto) ou até facilidade de parcelamento são conceitos básicos de venda mas se não empregadas, ou mal empregadas, podem acabar te dando resultados inesperados.

Fonte: E-commerce News