6 erros de logística que você não pode cometer no seu e-commerce

02/08/2016 Lahisla Vilar
3 min de leitura
1
Amou?

Logística no e-commerce

Comprar no e-commerce traz uma certa ansiedade para o cliente, pois depois da compra ele ainda precisa esperar de horas a dias pela entrega do pedido. Quem nunca ficou olhando o rastreamento do produto e contando os dias pra receber a sua compra? Algumas vezes, essa espera é até um impeditivo da compra, pois o cliente precisa daquele produto antes do prazo de entrega calculado pela loja virtual.

O e-commerce precisa trabalhar sempre na intenção de reduzir o prazo de entrega e o valor do frete, incentivando os visitantes a fazerem a compra. Além disso, erros na logística que atrapalhem a entrega do produto podem fazer o seu cliente nunca mais voltar. São esses pontos que vou comentar para que você fique atento e não cometa na sua loja virtual.

1. Limitar muito as opções de frete

Oferecer mais de uma opção de frete é bom para o cliente, que pode escolher a entrega mais rápida e mais barata, e bom para a loja, que pode oferecer frete grátis para todo o país ou para algumas regiões específicas e conquistar mais clientes. Se você tem uma boa quantidade de vendas para a região de onde parte a sua distribuição, pode oferecer entregas alternativas, como motoboys e até bicicletas.

2. Não controlar o estoque de forma eficiente

Uma das coisas mais frustrantes para o cliente de um e-commerce é comprar um produto e depois receber um e-mail ou ligação avisando que aquele produto na verdade estava sem estoque. O cliente pode ser perdido antes mesmo de concluir a primeira compra. Por isso é fundamental ter um controle eficiente do estoque, com um sistema que organize todos os itens e permita a você saber tudo que entra e sai de lá. Assim, você também pode saber quais itens mais vendem e os que menos vendem para evitar produtos sem estoque ou encalhados.

3. Não ter um processo de expedição

A expedição é o momento em que a mercadoria é retirada do estoque e preparada para o envio. Qualquer erro durante esse processo pode fazer o seu cliente receber o pedido errado e nunca mais querer comprar na sua loja virtual de novo, além de você ter que arcar com os custos da troca do produto. Portanto, é fundamental manter um padrão de organização do seu estoque (por categorias, cores, tamanhos, etc) e criar um processo para a etapa de expedição.

4. Usar embalagens ruins

A escolha da embalagem pode ser a diferença entre o cliente receber um produto em perfeito estado e ele receber um produto danificado e jogado de qualquer jeito dentro de uma caixa. Não escolha a embalagem mais barata, mas a que deixe o seu produto bem embalado, protegido e conservado até chegar no seu destino. Uma embalagem de má qualidade pode causar uma péssima impressão do seu e-commerce.

5. Não ter rastreamento

O rastreamento do pedido permite que o cliente e a loja virtual saibam onde ele está, desde a saída da loja até a entrega. Isso traz tranquilidade para o cliente, que consegue saber se está próximo de ele receber o produto, e para o lojista, que pode responder a dúvidas do cliente em relação ao prazo de entrega do seu pedido. Graças ao rastreamento, a loja pode fazer também envios de e-mails transacionais, que avisam o status de de cada etapa do processo de entrega (separação para envio, pedido em transporte, pedido entregue, etc). Tudo isso traz uma boa impressão do seu e-commerce.

6. Logística reversa

A troca ou devolução depois de uma compra no e-commerce, além de justificável pelo fato de o cliente não ter tocado e provado o produto, é um direito do consumidor previsto na legislação brasileira. Portanto, toda loja virtual deve estar preparada para fazer a logística reversa, ou seja, pegar o produto de volta e enviar outro ou devolver o dinheiro do cliente. Não estar preparado para isso ou, pior ainda, se negar a fazer esse processo de troca ou devolução mancha completamente a imagem da sua empresa. E lembre-se de que um cliente satisfeito fala da sua marca para três amigos, mas um cliente insatisfeito fala mal da sua marca para todos!

Esses seis pontos são os mais importantes de serem planejados e bem executados em relação à logística de uma operação de e-commerce, portanto fique atento a eles e boas vendas!