Seu Google Analytics possui fantasmas

13/10/2015 Bruno Viana
2 min de leitura
0
Amou?

Spammer é um filo pertencente ao reino Persona Non Grata.

Como se não bastasse nos enviar emails desagradáveis todos os dias, eles deram de encher o Google Analytics de informações irrelevantes.

Publicamos a loja virtual de um cliente e alguns dias depois fomos olhar seus dados no Google Analytics. Ele ficou maravilhado com a quantidade de acessos através de tráfego direto e por referência. Quem é toda essa gente que mal o conhece e já o considera pacas e quem são essas lindos sites que estão linkando para ele?

Fomos conferir, e…

Agência Bleez - Referer Spam no Google Analytics

Pesquisando um pouco entendi que desses 10 links, 6 são SPAM’s.

A nova prática – que aparentemente começou este ano – é mandar visitas a sites alheios. Elas nunca existiram de verdade (por isso a prática é conhecida como Ghost Spam Referrer), mas estão lá poluindo suas métricas de tráfego direto e referência.

Como saber se eu tenho isso?

Entre na sua conta do Google Analytics e acesse Aquisição > Todo o tráfego > Referências.

Se você encontrar referências como free-floating-buttons.com, get-free-social-trafic.com ou www.event-tracking.com é por que você você tem o mesmo problema.

Outra pista é observar se o seu tráfego direto aumentou de forma estranha. Como ele significa que há pessoas acessando seu site digitando o link diretamente no navegador, o normal é que esse número seja baixo, a não ser que você seja uma Coca-Cola e está na cabeça de todo mundo.

Como corrigir?

Há duas maneiras e ambas criam filtros no Google Analytics.

Maneira 1: A força bruta

Vá em Administrador e na vista da propriedade entre no menu Filtros.

Agência Bleez - criando filtro

Crie um novo filtro e configure ele para permitir dados vindos apenas do seu domínio, da forma como fiz abaixo.

Agência Bleez - Filtro anti spam referer

Importante: Essa regra pega dados de sub-domínios também, mas caso precise que venha de um domínio completamente diferente, você terá de editar o filtro.

Maneira 2: De boa na lagoa

Use o serviço http://referrer-spam.help/.

Basta permitir o serviço a usar sua conta do Google para se conectar ao Analytics e pronto. Ele cria de forma automática os filtros impedindo dados vindo dos sites spammers mais conhecidos.

Só pra constar: Como estamos trabalhando com filtros, não há como eliminar os dados ruins anteriores, mas os dados futuros virão limpinhos.