Como o ecommerce está mudando o varejo tradicional

20/08/2012
2 min de leitura
0
Amou?

Mulher comprando pela TV - Exemplo de Varejo Tradicional x Varejo Virtual

O crescimento do ecommerce está criando novos hábitos de compras e provocando mudanças no varejo tradicional. Apesar de as vendas das lojas virtuais ainda representarem apenas 2% do mercado varejista brasileiro, essa fatia de mercado representa cerca de 40 milhões de consumidores com um aumento anual de 30%, porcentagem bem acima do crescimento do varejo tradicional.

A cada ano, mais pessoas começam a realizar compras em ecommerces, conhecendo e se acostumando com as funcionalidades que a Internet lhes permite, como compartilhamentos, recomendações, avaliações, customizações e recompensas. As funções sociais e de mobilidade agregadas às lojas virtuais fazem com que as lojas físicas precisem adaptar os pontos de vendas para proporcionar uma boa experiência de compra para esse consumidor, que já está se acostumando às facilidades do meio virtual.

Novas tecnologias com funcionalidades relacionadas às mudanças no comportamento do consumidor trouxeram mudanças para o varejo tradicional como: monitores com vitrines virtuais de produtos disponíveis na loja, onde as pessoas podem ver vídeos e fotos dos produtos, comparar funcionalidades e ver avaliações de outras pessoas; programas de pontuação e recompensas para quem utilizar aplicativos mobile nas lojas físicas; ações de interação com mídias sociais para estimular o compartilhamento da experiência de compra nas lojas físicas; personalização de produtos, entre outras. Há ainda ações que integram as vendas via Internet e o varejo tradicional, como o web pick-up, onde o consumidor realiza a compra na loja virtual, mas opta por pegar o produto em uma loja física.

O ecommerce está se consolidando como ambiente de compras para o consumidor atual, mas o varejo tradicional sempre terá o seu espaço no mercado. O futuro são canais de vendas integrando cada vez mais o espaço físico à experiência virtual, aumentando a demanda de qualquer negócio por atenção às formas de interação na Internet.

Quer entender sobre o Comércio Eletrônico e usá-lo para aumentar as vendas do eu negócio? Leia nosso e-book gratuito Introdução ao E-commerce.